Tag

livros

Browsing

Ler é sempre o melhor remédio. Em qualquer situação, na dúvida, lê-se. Estes são alguns dos livros que andam a ler-se aqui na selva. E são bem giros. Autor: Jon Klassen Editora: Orfeu Negro “Este chapéu não é meu” pertence a uma trilogia sobre chapéus de Jon Klassen. Tão bem ilustrado que as imagens contam quase tudo: um peixe pequeno, cheio de confiança, decide roubar um chapéu a um peixe muito grande. O plano está traçado, o furto acontece e o peixe pequeno faz figas, acreditando sempre que não será apanhado. A história é simples e ironicamente ninguém terá dificuldade em rever-se nela. (“Quero o meu chapéu” e “Achámos um chapéu” são os outros dois livros que completam a trilogia). Autor: Benji Davies Editora: Orfeu Negro “A Baleia” é uma história tão bonita, que até já fui contá-la à escola da índia mais nova. Noé, filho de um pescador que vive na praia, passa…

As tias são, muitas vezes, as confidentes e grandes amigas das sobrinhas. Maria João Lourenço é tia de duas raparigas que não se fartam das suas histórias. Texto: Maria João Lourenço Ilustração: Rita A Teresa rebolava-se a rir e só pedia, entre gargalhadas saudavelmente sonoras: «Mais histórias, mais histórias!» Foi no dia do primeiro jogo de Portugal neste Europeu, depois de um jantarinho de bonecas à frente do televisor (faz mal mas sabe bem, paciência) e antes de cantarmos o hino de pé e com o cachecol ao pescoço. Coitada de mim! A minha pobre história era um vulgar episódio do quotidiano. Calhou pedir boleia a um cavaleiro dos tempos modernos que me levou por ruas antigas e percursos vetustos, até Alcântara, onde tinha por missão resgatar as sobrinhitas antes que a escola encerrasse as portas! Resumindo, o fiel amigo da família lá me deixou. Foi resvés Campo de Ourique. De peripécia em…

Há livros que fazem chorar, rir, sonhar ou suspirar de amor (ou inveja). E depois há estes livros que fazem sentir-nos umas bad ass, orgulhosas do nosso género, fortes como amazonas. Texto: Diana Ilustração: Rita Sabem aquelas mulheres que dizem, fazem e escrevem o que pensam? Aquelas mulheres cheias de rock n’roll dentro delas, mesmo que não cantem nem que as suas vidas dependessem disso. Aquelas mulheres cujas palavras nos fazem acordar e pensar em tudo aquilo pelo que passámos desde o início dos tempos. Que nos fazem querer mais, ser mais, dizer mais, mudar alguma coisa. Mulheres que fazem as nossas vidas melhores, só através das palavras e dos livros, quer por nos fazer sonhar, por nos entreterem, por nos porem a pensar, por nos fazerem sentir bem connosco mesmas. Ler é quase sempre o melhor remédio. Isso e dançar o “Dancing in the Dark” do Bruce Springsteen como…