Tag

férias

Browsing

Mal podemos esperar por aquele momento em que as crias ficam nos avós, nós entramos num avião e aqui vai de viagem. Livres, leves e frescos, sem pedidos constantes para fazer chichi ou comer. Mas. Sempre mas. Texto: Diana Ilustração: Rita Mala feita, criança despachada para os avós um dia antes porque o avião é muito cedo. Chegar a casa depois do trabalho e não ter criança para alimentar e dar banho. O céu. Sair cedo para o aeroporto, viagem descansada, chegar a outro país e começar logo a aproveitar a vida, sem ser preciso fazer check in ou desencantar alguma coisa para comer urgentemente, sem pensar em sestas, nem em muitos agasalhos. O céu. Só que os sacanas dos putos instalam-se no coração com tal força que não há maneira de estar completamente feliz sem eles, mesmo que a presença deles não faça qualquer sentido naquele momento – um…

Entenda-se “férias hippies” por férias com pouco dinheiro. Para quem sofre deste mal, como nós, deixamos dicas preciosas de sobrevivência e diversão.  Texto e ilustração: Rita Este fim de Verão, com tudo agendado, demos por nós com um ligeiro imprevisto: a conta bancária a zeros. Em vez de amuarmos e desistirmos, decidimos ir à mesma, só que num registo completamente diferente do habitual. Fomos acampar. Para quem tem o mesmo tipo de surpresas aqui vai uma série de dicas preciosas para transformar umas férias hippies com miúdos, num verdadeiro sucesso. As malas Levar as coisas certas na bagagem pode fazer toda a diferença na hora da verdade. Há uma série de equipamento imprescindível (tenda, colchões, sacos de cama), e depois há tudo o resto que nos podemos esquecer, mas que é igualmente importante. O ideal é reunir o que está relacionado com refeições numa caixa de plástico daquelas transparentes e com tampa: louça para…

Há livros que fazem chorar, rir, sonhar ou suspirar de amor (ou inveja). E depois há estes livros que fazem sentir-nos umas bad ass, orgulhosas do nosso género, fortes como amazonas. Texto: Diana Ilustração: Rita Sabem aquelas mulheres que dizem, fazem e escrevem o que pensam? Aquelas mulheres cheias de rock n’roll dentro delas, mesmo que não cantem nem que as suas vidas dependessem disso. Aquelas mulheres cujas palavras nos fazem acordar e pensar em tudo aquilo pelo que passámos desde o início dos tempos. Que nos fazem querer mais, ser mais, dizer mais, mudar alguma coisa. Mulheres que fazem as nossas vidas melhores, só através das palavras e dos livros, quer por nos fazer sonhar, por nos entreterem, por nos porem a pensar, por nos fazerem sentir bem connosco mesmas. Ler é quase sempre o melhor remédio. Isso e dançar o “Dancing in the Dark” do Bruce Springsteen como…

Há Instagrams com graça e outros de chorar a rir. Escolhemos cinco contas de Instagram para seguirem nestas férias. Uma coisa é ter alguma piada, dizer umas graças aqui e ali, fazer o trocadilho certo na hora exacta. Outra coisa é usar o Instagram para fazer piadas. Numa altura em que o que não faltam são fotografias de pessoas seminuas, de crianças arranjadinhas e de laços na cabeça, de praias paradisíacas e vidas impossíveis, ver Instagrams para rir e chorar por mais, é como aquela brisa fresca que só se apanha à beira do mar. Quando os miúdos estiverem a discutir ou a atirar areia, quando já não aguentarem os sogros, ou aquela família que pôs o chapéu de sol colado ao vosso, espreitem estas contas de Instagram. Vão ver como tudo vai deixar de ter importância. Rir, já se sabe, é o melhor remédio. 1. Celeste gosta de copiar os Instragrams…

Passaram cinco meses desde que nascemos. Ultrapassámos os 5 mil seguidores no Facebook, escrevemos mais de 100 textos, fizemos quase 100 ilustrações, recebemos e-mails e mensagens, fizemos novas amigas, explorámos novos temas e tivemos muitas ideias. E temos muito mais para dizer e fazer. Mas também precisamos de descansar para que possamos continuar a aumentar a qualidade deste vosso site. Assim, a partir desta semana e até Setembro, teremos apenas um post por semana, sempre à 4ª feira. Em Setembro voltamos em força (nem imaginam a quantidade de coisas que já temos planeadas). Boas férias, boas licenças de maternidade, bom descanso, muita paciência para os putos, muitas leituras e cervejas ao fim da tarde. Não se esqueçam de despachar os miúdos uns dias, lá para o final das férias, para que vocês possam descansar a sério, ok? Entretanto, podem recordar alguns dos posts mais lidos do site: Combater a culpa…