Poupem-nos aos marcadores de livros com as fotos dos filhos – já temos uns cinco. Também não queremos a mãozinha dos miúdos em gesso, obrigada, nem tão pouco uma T-shirt com desenhos feitos por eles: convenhamos que a pintura não é o forte das crianças pequenas. Também não queremos flores porque isso compramos nós (mas gostamos muito). Almoços com os filhos são muito giros, mas acontecem todos os fins de semana, não é propriamente uma prenda mas mais uma inevitabilidade.

O que queremos são coisas simples: acessórios simples, um jantar simples num restaurante bom, um vestido simples, umas botas super simples ou simplesmente tudo isto (bem) combinado.

Nem pensar deixar tudo nas mãos dos pais, filhos e educadoras, nunca irá resultar. O melhor é sermos diretas e implacáveis e nada melhor do que o link de uma publicação para esclarecer quaisquer dúvidas relacionadas com presentes.

E porque o Dia da Mãe deveria ser passado longe dos miúdos, das idas à casa de banho, do ranho, da comida cortada aos bocadinhos, das sestas e afins, selecionámos 7 coisas espetaculares que fazem este dia valer a pena.

1- Vestido Zara: 22,95€.

2- Botas Corista, da Labuta: 325€.

3- O incrível livro “Amãezónia“, editora Arena: 16,30€.

4- Livro “The Woman who went to bed for a year”, de Sue Townsed: 9,60€.

5- Poster Baleias, da Arminho: 35€.

6- Brincos Rita Prates Caetano: 30€.

7- Óculos Komono: 29,98€.

 

Autor

Escreva um comentário