Isto é tudo muito bonito, trabalhar, ser independente, ter filhos e fazer as cerca de 345 coisas diárias que tanto gostamos. Mas o que é mesmo, mesmo bom, é ir de férias. Principalmente quando não se dá uma para a caixa. Estes são os sinais aos quais temos de estar atentas. Se sofrem de vários, metam férias.

Texto: Diana
Ilustração: Rita

Preciso ferias

  1. Quando pomos a roupa para lavar no lixo em vez de no cesto da roupa suja;
  2. Quando guardamos o pano da loiça no frigorífico;
  3. Quando os nosso filhos falam connosco em português mas a nós parece-nos polaco;
  4. Quando estamos a contar uma história a um amigo com todo o entusiasmo do mundo para em troca receber um olhar espantado, não percebemos porquê, até que ele nos diz que é a terceira vez que estamos a repetir;
  5. Quando lemos a mesma página de um livro cinco vezes porque nos perdemos ao fim de um parágrafo;
  6. Quando cereais se transformam numa óptima opção para jantar;
  7. Quando o despertador toca ao fim de 8 horas certinhas de sono mas o corpo recusa levantar-se;
  8. Quando decidimos esfoliar a pele da cara mas esprememos pasta de dentes para as mãos;
  9. Quando vamos fazer chichi e nos esquecemos de levantar a tampa da sanita;
  10. Quando vamos à cozinha e nos três segundo que demoramos a chegar lá nos esquecemos do que íamos fazer;
  11. Quando nos esquecemos do código do cartão embora seja o mesmo há 10 anos;
  12. Quando nos esquecemos de abrir a boca para beber água e acabamos todas molhadas;
  13. Quando até uma aula de Pilates nos deixa com sono;
  14. Quando conduzimos até ao trabalho mas não nos lembramos de ter feito a viagem;
  15. Quando não temos absolutamente novidade nenhuma para contar. Absolutamente nada de novo.